Conteúdos Especiais Fique por dentro do Food Service

Por que ter um PDV integrado ao seu Backoffice?

Mais assertividade na gestão do seu negócio no Food Service.

Publicador por Ninho Digital

20/01/2022 - 18h24

A experiência de um cliente em um estabelecimento de food service é fator primordial para o sucesso de um negócio. E, se você acha um bom PDV e um ERP potente não fazem parte disso, este texto está aqui para te provar o contrário. Parte da experiência passa, não apenas pela qualidade do produto oferecido, mas pela forma como o comércio é organizado, de preferência, ressaltando a agilidade e funcionalidade dos processos.

O que significa PDV?

O PDV (Ponto de Venda) é fundamental para uma boa experiência do cliente. O termo pode ser relacionado tanto à área de vendas do varejo, como à disposição e oferta de produtos ou, ainda, à forma como o cliente realiza a compra. De uma maneira geral, o PDV influencia o cliente da hora que chega ao estabelecimento, passando pela forma como o pedido é feito e inserido no sistema, até ao momento de pagamento.

Porém, para que todas essas informações conversem entre si, ou seja, para que o gestor possa ter um panorama do funcionamento dessas várias instâncias contidas em um PDV, é preciso que esse sistema esteja integrado a uma outra tecnologia, responsável pela organização e gestão do backoffice. Essa união é o que permite que decisões assertivas sejam tomadas com base no cruzamento de dados. Essa compreensão faz toda a diferença para que o gestor possa conhecer à fundo seu negócio.

Tá, mas o que é o Backoffice?

Em sua tradução livre, “parte de trás do escritório”, o termo já dá uma boa ideia do que vamos falar. O backoffice é o conjunto de processos necessários, mesmo que nem sempre vistos, para manter qualquer negócio funcionando.

Dentro deste conceito estão envolvidos os setores administrativo, financeiro, logístico, contábil e de RH, por exemplo. As atividades desempenhadas por cada um deles e a sinergia entre elas é que vão garantir que as engrenagens do negócio nunca parem de funcionar.

Por isso, a necessidade de um ERP que coloca todas essas atividades dentro de um mesmo ambiente, automatizando os processos e tornando a retaguarda do negócio muito mais eficiente e produtiva.

No caso do Food Service, isso permite a otimização das informações do financeiro, o gerenciamento de estoques a partir de fichas técnicas com todas as informações em uma só base, com relatórios integrados, controle de custos, definições de uma engenharia de cardápios, gestão de CMV (custo de mercadoria vendida) e até mesmo reposição de insumos de acordo com a demanda do comércio.

Integração PDV x Backoffice

Por exemplo, imagine uma rede de restaurantes com três lojas. Se o PDV delas estiver integrado a um sistema de gestão único, é possível ter informações sólidas que permitem ao gestor enxergar o todo da operação e tomar decisões cada vez mais assertivas, com base em dados robustos e relatórios que trazem, inclusive, a comparação entre as lojas dessa rede.

Então, é importante que o ERP opere com base em muitos recursos tecnológicos e técnicas de BI (Business Intelligence), como acontece com o EVEREST, ERP desenvolvido pela ACOM Sistemas e que pode ser integrado às melhores soluções de PDV existentes no mercado.

Ferramenta para a retomada

Durante a pandemia de Covid-19, por exemplo, a integração entre PDV e ERP salvou muitas empresas. Com a mudança de cenário, ter acesso de forma simples e transparente a todas as informações gerenciais, permitiu mais agilidade em decisões na hora de remodelar o negócio. Conhecer o perfil de consumo dos clientes, pratos com maior lucratividades e custos embutidos no negócio, são informações que somente a união de duas tecnologias poderia entregar.

Exemplos clássicos foram os restaurantes que precisaram implantar o sistema de delivery ou take-away (retirada) do dia para a noite. Com um sistema de gestão integrada atrelado ao PDV permitiu-se que essa adaptação acontecesse de uma forma muito mais rápidas e com menores chances de problemas na operação.

Por isso, podemos dizer que a integração entre sistemas PDV e ERP pode revolucionar sua forma de enxergar e gerir sua empresa, pois impacta diretamente na eficiência e dinamismo do ambiente de negócios. Se você ainda trabalha com controles manuais, pode estar criando um problema a longo prazo. A tecnologia que pode te ajudar a evitar dores de cabeça, já está ao seu alcance e com certeza vai te ajudar a encontrar soluções para problemas que acabam prejudicando os seus resultados. Invista agora e deixe de correr riscos desnecessários.

Posts mais lidos

Você sabe quais são os indicadores essenciais para qualquer dono de restaurante?

Você sabe quais são os indicadores essenciais para qualquer dono de restaurante?

Na gestão de um negócio, a atenção que se dá aos números pode...

Leia agora
20 dicas para ter um negócio de sucesso 

20 dicas para ter um negócio de sucesso 

O que você precisa saber para ter um negócio de sucesso? Essa é...

Leia agora
Conheça 5 tendências para food services em 2023

Conheça 5 tendências para food services em 2023

O aquecimento do mercado traz novidades para restaurantes e estabelecimentos de food service...

Leia agora
Por que ter um PDV integrado ao seu Backoffice?

Por que ter um PDV integrado ao seu Backoffice?

A experiência de um cliente em um estabelecimento de food service é fator...

Leia agora
Case | Como a maior Dark Kitchen do mundo usa o ERP EVEREST para alcançar grandes resultados

Case | Como a maior Dark Kitchen do mundo usa o ERP EVEREST para alcançar grandes resultados

Criado em 2017, o grupo ATW Delivery Brands é uma holding brasileira que...

Leia agora